Para começar a entender os princípios da terapia cognitivo-comportamental talvez seja
interessante você fazer o seguinte exercício.

Se imagine andando por uma rua muito movimentada, percebendo as pessoas, os prédios… e
então você tropeça e cai. Nesse momento perceba o que acontece no seu corpo. Quais
pensamentos passaram pela sua cabeça? Existe alguma emoção no seu corpo agora? Deixe
anotado, nos pequenos detalhes.

Oriente alguns amigos a fazerem o mesmo exercício e depois comentem sobre as anotações.

É possível que tenham ocorrido diferentes pensamentos, emoções e comportamentos.

“Ai, todos viram e estão pensando que sou desastrado?” e sente vergonha.

“Tudo (de ruim) acontece comigo” e sente tristeza

“Não tem um para me ajudar aqui” e sente raiva.

É possível também que tenha ocorrido apenas uma identificação do fato e a emoção tenha
sido neutra.

O que podemos perceber com isso? O mesmo fato pode levar a interpretações diferentes e
emoções diferentes, portanto são as interpretações (pensamentos) que alteram as emoções e
não as situações em si. Talvez tenha percebido também a forte relação entre pensamento,
emoção e comportamento. Eles funcionam como um sistema. Aprendizado de hoje?
Pensamentos não são fatos!

© 2019 Gabriela Reis. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por CriaTec